terça-feira, 10 de setembro de 2013

Sabendo mais sobre a técnica Kabat


>




O método kabat está incluído no grupo da Facilitação Neuromuscular Proprioceptiva e foi desenvolvido pelos norte-americanos Herman Kabat, médico e Margaret Knott, fisioterapeuta, entre 1946 e 1951. Trata-se de um recurso terapêutico cinético que utiliza o estímulo da sensibilidade proprioceptiva para aumentar a força, flexibilidade e coordenação, melhorando a qualidade do movimento. Sendo que o nome imposto pelo método já subentende sobre a sua mecânica, onde facilitação refere-se a tornar mais fácil. Neuro muscular é um envolvimento de nervos e músculos e proprioceptivo são receptores sensitivos que fornecem informações a respeito de movimento e posicionamento corpóreo.
Nesta técnica, enfatiza-se a reeducação seletiva dos elementos motores individuais por meio do desenvolvimento neuromuscular, através da estimulação dos receptores que iram favorecer a estabilidade articular e mobilidade coordenada. Os objetivos do método são, portanto, aumentar ou recuperar a potência muscular, aumentar a velocidade de execução do movimento, melhorar a precisão do movimento e recuperar e/ou melhorar a função estabilizadora.
As técnicas visam o movimento normal que dependerá das ações integradoras do sistema nervoso central, da morfologia, cinesiologia, aprendizado do desenvolvimento motor e da conduta motora. Os padrões usados visam à utilização de valores positivos, assim, trabalham-se as partes mais fortes que irradiam energia nervosa às mais fracas. 
O método Kabat utiliza sempre a unidade motora - (motoneurônio mais fibras musculares por ele inervadas) que trabalha em relação ser do tudo ou nada. O objetivo das técnicas de FNP é promover o movimento funcional por meio da facilitação, da inibição, do fortalecimento e do relaxamento de grupos musculares. As técnicas utilizam contrações musculares concêntricas, excêntricas e estáticas, combinadas com resistência propriamente graduada e procedimentos facilitatorios adequados, todos ajustados para atingir as necessidades de cada paciente. Baseando-se nisto a facilitação neuromuscular proprioceptiva envolve uma serie de princípios que devem ser seguidos, a fim de que seu método seja executado de forma fidedigna. Para que assim possam obter os objetivos esperados, os quais estão associados à neuroplasticidade, que ira favorecer o alongamento muscular, fortalecimento muscular, propriocepção e coordenação.

Você conhece o nosso Drive Virtual de Conteúdo spbre Terapia Manual? Clique aqui e conheça!

Comente:

Nenhum comentário:

Postar um comentário